A Bordo

Deixa pra lá Que eu toco meu barco sozinha Eu não preciso disso Essa energia

Meu nevoeiro já passou

A vantagem da cabeça na lua É que me guio pelas estrelas Que iluminam a minha insônia E meu inevitável sonho Passo Por Passo

Eu sei o que faço E exatamente onde Quero chegar

Então se não está comigo Pula logo Vamos! Pode pular!

É bom porque alivia o peso pra eu remar